Blog do MX Cursos

Utilizando o método Pomodoro para aumentar a produtividade no trabalho

Utilizando o método Pomodoro para aumentar a produtividade no trabalho

Tem dia que as horas no trabalho parecem não ser suficientes para o cumprimento de todas as tarefas. Toda hora alguém te chama para resolver outro problema, tem alguma ligação na espera ou você se lembra que tem que resolver alguma questão relacionada à sua família, o que faz com que as tarefas planejadas para o dia não sejam realizadas.

Com tantas interrupções e distrações, ninguém consegue trabalhar mesmo! É para solucionar isso que existe o método Pomodoro, uma técnica que garante concentração máxima em uma única tarefa e aumenta sua produtividade!

Quer conferir mais sobre o método Pomodoro e como ele pode te ajudar no trabalho? Então continue a leitura deste post!

O que é o método Pomodoro?

Em italiano, “Pomodoro” significa tomate e é uma referência aqueles timers de cozinha em formato de tomate utilizados para marcar o tempo no preparo de receitas. Foi inspirado por esses timers que o italiano Francesco Cirilo, na década de 80, criou o método Pomodoro como uma forma de aumentar a produtividade na hora de realizar tarefas.

Basicamente, as tarefas devem ser realizadas durante blocos de tempo predeterminados sem quaisquer interrupções. Entre cada bloco completado, o indivíduo ganha alguns minutos livres para caminhar, ir ao banheiro, conversar com os amigos, etc., e então, inicia um novo bloco de trabalho.

Como o método Pomodoro funciona na prática?

Na ideia original, os blocos de tempo — chamados de pomodoro — duram 25 minutos. Ao final de cada Pomodoro é permitida uma pausa de 5 minutos, e a cada 4 pomodori (plural de pomodoro), há uma pausa mais longa, de 30 minutos.

O ideal é começar o dia com uma lista de tarefas e ir anotando quantos pomodori são gastos para a realização de cada tarefa, para facilitar o planejamento no futuro.

Leia também  Como conciliar trabalho e estudo?

O que fazer quando alguém te interrompe no meio de um Pomodoro?

Sempre que possível, ignore a interrupção e continue a trabalhar. Afinal, uma mensagem dos amigos no grupo do WhatsApp pode ser respondida durante o tempo de pausa sem qualquer problema. Já quando o cliente pedir para você terminar aquele design que só estava planejado para a semana que vem, acrescente a nova tarefa à lista e continue realizando a atividade atual.

Agora, caso a interrupção seja por alguma emergência que precisa ser realizada imediatamente, interrompa o Pomodoro, resolva o problema e, quando possível, retorne ao início do pomodoro, iniciando os 25 minutos.

Lembre-se de anotar também o momento que essas interrupções ocorrem e se elas são de origem interna — distrações mentais como lembretes de compras a serem feitas ou de mensagens a serem enviadas para a família — ou externa — ligações, chamadas dos colegas de trabalho, reuniões de última hora com o chefe, etc. Isso ajuda você a determinar de onde estão surgindo as interrupções e como você pode reduzi-las.

Quais são as vantagens do método Pomodoro?

Seguindo a técnica, você aumenta sua concentração na tarefa e consegue finalizá-la em menos tempo, aumentando sua produtividade. Além disso, à medida que você se acostuma com a técnica e começa a alterar seu ambiente de trabalho, verá que o número de interrupções reduz e que fica mais fácil saber quantas tarefas você consegue realizar em cada dia. Com o planejamento em ordem, a ansiedade cai, a motivação aumenta e tudo fica mais tranquilo.

Gostou das nossas dicas sobre o método Pomodoro? Então compartilhe este artigo nas redes sociais para ajudar seus amigos a aumentarem a produtividade no trabalho!

Felipe Cardozo

Felipe Cardozo

Felipe Cardozo é fundador do MX Cursos e já desenvolveu diversos cursos para o portal. Além disso, também é publicitário e criador do MX Masters e Video Aulas Brasil, ama tecnologia e como filho de pais professores, não poderia deixar de ser: Compartilha imediatamente tudo que aprende!

Comente!

27 Shares
Share27
Tweet
+1
Share