MX Cursos

Plano de Marketing – Dicas infalíveis para criar o seu

Plano de Marketing – Dicas infalíveis para criar o seu

Você está procurando sobre Plano de Marketing para o seu evento? Então você está no lugar certo! Quando bem estruturado e com objetivos definidos, um evento deixa de ser considerado um gasto e passa a ser um verdadeiro investimento para a sua empresa. Assim sendo, esse tipo de ação não deve ficar de fora das suas estratégias de marketing!

Assim, evento bem planejado e executado é capaz de proporcionar um significativo reconhecimento da sua marca, visto que você tem a oportunidade de apresentar e testar seus produtos ou serviços diante dos seus possíveis consumidores.

Além disso, esse tipo de ação gera mais proximidade entre clientes e empresas, fidelizando compradores e conquistando outros mais.

Agora, se o seu receio em colocar esse tipo de estratégia é gastar muito, saiba que com um bom planejamento, seu evento pode se pagar sozinho e ainda gerar uma boa lucratividade! Gostou da ideia? Então confira nossas dicas para montar um excelente Plano de Marketing para o seu evento.

O que é um Plano de Marketing?

Plano de Marketing - O que é?

Um Plano de Marketing é um arquivo que reúne todas as ações e estratégias necessárias para se atingir um objetivo. Seja para criar uma empresa, lançar um produto no mercado ou organizar um evento.

Assim sendo, essa é uma ferramenta fundamental para que todo o trabalho seja desenvolvido de maneira lógica, organizada, inteligente e otimizada, para que não haja desperdício de recursos e serviços.

Muito bem! Geralmente, os esforços de um evento são realizados com o objetivo final de vender todos os ingressos, certo? No entanto, como há um longo caminho a se percorrer, é necessário mapear todas as ações necessárias para que o evento seja estruturado, divulgado e vendido da maneira eficaz. Logo, esse deve ser o foco do seu Plano de Marketing. Vejamos então as etapas que o compõe.

Nossos cursos online relacionados a este post

Etapas de um Plano de Marketing

Etapas de um Plano de Marketing

Bom, para estruturar um Plano de Marketing eficaz, é interessante dividi-lo em partes para que cada etapa receba a devida atenção. Assim, inicialmente, é importante pensar a respeito da área do seu evento.

Afinal, para estruturar um Plano de Marketing efetivo, é importante conhecer todos os fatores que podem influenciá-lo, a começar pelo segmento do qual ele faz parte.

Assim sendo, faça uma análise completa do mercado, buscando responder as seguintes questões:

  1. Quais são os principais concorrentes no segmento do evento?
  2. Quais fatores externos podem causar algum tipo de influência na sua realização, como: feriados regionais, questões financeiras, outros eventos acontecendo na mesma data e coisas do tipo.
  3. Agora, pense nos fatores internos… Quais podem causar algum tipo de influência na realização do evento? Como, por exemplo, o alto custo operacional, a mão de obra insuficiente, o baixo número de patrocinadores e etc.

Bom, se você está com dificuldades para ter uma visão real do ambiente no qual o seu evento está inserido, que tal realizar uma análise SWOT? Não faz ideia do que seja isso? Pois bem! Vamos aprender mais sobre o assunto.

Aplicando a Análise SWOT no seu Plano de Marketing

A análise SWOT – do inglês Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças) – também conhecida como “FOFA” em português, é uma interessante ferramenta, utilizada por profissionais de Marketing, para recolher o máximo de informações sobre o ambiente interno e externo de um negócio.

SWOT no seu Plano de Marketing

Para tanto, na hora de analisar a sua empresa e o seu evento, é importante definir o seguinte:

– Na lista de “forças”, foque nos atributos únicos do seu evento, isto é, nos pontos positivos e nos diferenciais que ele oferece ao público em relação aos outros;

– Já na lista de “oportunidades”, você deve pensar fora da caixa e buscar os aspectos pouco ou nada explorados pela sua concorrência direta, o que intensificará ainda mais as suas forças;

– Mas além de se ater aos pontos positivos, é importante detalhar quais são as suas principais “fraquezas”, isto é, aquilo que ainda falta no seu evento ou que ainda não é realizado da maneira ideal;

– Por fim, para listar as principais “ameaças”, foque nos aspectos que podem prejudicar a realização do seu evento e, sobretudo, a venda de ingressos ou a realização de inscrições.

Muito bem! Depois dessa análise aprofundada, agora é a hora de focar no seu público-alvo.

A importância do público-alvo para o seu evento

Público Alvo

Uma das definições iniciais mais importantes na realização de um evento, antes mesmo da divulgação e das vendas, é ter em mente a audiência que você pretende alcançar.

Afinal, ao conseguir identificar o seu público, as suas estratégias de divulgação serão muito mais efetivas e, consequentemente, a sua venda de ingressos será excelente, pois você estará direcionando todos os seus esforços para um grupo de pessoas com maior propensão a participar do seu evento.

Então para estabelecer a segmentação adequada do seu público, nos eventos de entretenimento, busque as seguintes particularidades:

  1. Qual é a faixa etária, o gênero e a renda das pessoas que você quer alcançar?
  2. Quais são e como os hábitos de consumo e os principais interesses dessas pessoas afetam o seu evento?
  3. E que tipo de eventos e locais esse grupo de pessoas tem interesse?

Agora, se o seu evento for voltado para o segmento corporativo, baseie-se também nestes pontos:

  1. Qualquer é o ramo de atuação das empresas para as quais você pretende direcionar o seu evento?
  2. Que tipo de produtos ou serviços elas oferecem aos clientes?
  3. Qual é o valor médio desses itens?
  4. E há quanto tempo essas empresas atuam no mercado?

Agora que você já definiu para quem o seu evento será direcionado, vamos organizar as ações que serão realizadas, suas estratégias e cada detalhe para que tudo saia como planejado.

Rascunhando o Plano de Marketing

Rascunhando o Plano de Marketing

Nesta parte do planejamento, você deve priorizar a produção de todos os materiais que farão parte da divulgação on e off-line do seu evento; a captação de patrocínios e o fechamento de parcerias; a definição das atrações, da agenda e da programação do evento; o fechamento de contratos com os profissionais e os equipamentos que farão o evento acontecer e, por fim, a reserva do local perfeito.

Além de todos esses detalhes, é nesta fase do Plano de Marketing que você deve se preocupar com a definição de metas e de objetivos. Lembrando que é de suma importância estabelecer objetivos claros, realistas e condizentes com as ações propostas! Já para as metas, é interessante pensar em números e resultados que podem ser facilmente mensurados.

Muito bem! E para fechar as nossas dicas, não poderíamos deixar de falar sobre o orçamento. Afinal, mesmo que o seu evento seja aberto ao público, haverá gastos para que ele seja realizado.

Assim sendo, seu Plano de Marketing também precisa estimar o total de gastos que você terá para a divulgação e a realização do evento, assim como a margem de lucro que você pretende ganhar. Por fim, é importantíssimo definir um valor extra para possíveis problemas e imprevistos que podem inviabilizar a realização do seu evento.

Dica bônus!

Depois de planejar e executar é interessante analisar os resultados obtidos no pós-evento, para que você possa mensurar a efetividade de cada ação, os erros e acertos e as melhorias que precisam ser feitas no caso de uma nova edição.

Para fazer essa análise, busque observar o seguinte:

  1. Quantas pessoas foram impactadas por cada ação de divulgação?
  2. Quantos ingressos foram vendidos a partir dessas ações?
  3. Qual foi o valor gasto em cada campanha?
  4. Qual foi o total de ingressos vendidos? (Caso haja tipos diferentes, como meia-entrada, descontos para crianças e idosos e etc, não se esqueça de separá-los)
  5. Qual foi o lucro planejado e o obtido com o evento?
  6. Quais e que tipo de situações ocorreram fora do seu planejamento? Como foram solucionadas? Quais não foram e por quê?
  7. E por fim, qual é o nível de satisfação dos participantes? (Para obter essa informação, cheque as avaliações e os comentários feitos nos canas oficiais do evento e não deixe de fazer uma pesquisas qualitativa a partir de um bom e-mail marketing, ok?)

Bom, agora que você já aprendeu a criar um excelente Plano de Marketing para o seu evento é hora de colocar nossas dicas em prática e compartilhar com a gente os seus resultados! Boa sorte e até a próxima! 😉

Clube de Cursos Clube de Cursos

Conheça nosso Clube de Cursos e potencialize suas habilidades em Produção e Edição de Vídeos, Design, Marketing Digital, Programaço, WordPress, 3D e Modelagem, Motion Graphics e muito mais!

CONHEÇA O CLUBE