Blog do MX Cursos

Os 7 pecados capitais ao criar seu primeiro site

É consenso entre os especialistas digitais que ter um site publicado é indispensável para todas as empresas e profissionais que desejam divulgar seus produtos, serviços ou até mesmo informar.

O alcance de público para quem publica um site é imenso, atravessando fronteiras territoriais e digitais.

Mas para conseguir alcançar um bom desempenho nessa tarefa, não basta ter somente um site online. É necessário uma série de ações e cuidados para obter um resultado significativo.

Neste artigo, listarei 7 erros comuns de quem inicia no mundo digital e cria seu primeiro site.

Continue lendo.

Pressa em alcançar visitantes

criar sitesPara que seu site obtenha acesso orgânico, que é o acesso proveniente de visitas vindas de mídias não pagas, é necessário esperar. É comum o proprietário do site ter frustração em não conseguir nos primeiros dias o número esperado de acesso. O acesso orgânico pode levar dias, semanas e até meses e depende de uma série de variáveis como uma boa estrutura de SEO no site, um código limpo e nos padrões web e muito conteúdo altamente relevante para que os mecanismos de buscas indexem seu site da forma correta.

E convenhamos, visitas de amigos e familiares nesse início devem ser expurgados de suas expectativas reais :p

Portanto, não seja ansioso e foque na melhoria do código do seu site e na implantação de técnicas de SEO para potencializar os acessos orgânicos de sua página online.

Nossos cursos indicados

Criar sites em plataformas Do it YourSelf

Sites como o Wix, que são plataformas onde você mesmo pode criar seus sites tem sido cada vez mais penalizados pelos algoritmos dos buscadores como o google.

Isso faz com que na hora da busca, seu site feito através dessas plataformas seja preterido por sites com códigos mais limpos e feitos sem utilização desses tipos de plataformas. Além disso, criar seu próprio site fora de plataformas do it yourself te dá mais flexibilidade de melhoria do código e ajustes, buscando o maior potencial orgânico de acesso.

O WordPress é uma das melhores soluções para resolver esse problema, uma vez que a maioria dos temas é desenvolvido com boas práticas e através de plugins é possível facilmente melhorar o SEO da sua página.

Criar sites em Flash

O Flash já foi bastante usado na criação de sites e hoje, além de não possuir mais o pouquíssimo suporte que o google oferecia em suas buscas, é utilizado apenas para projetos de multi-média como CD’s e DVD’s interativos.

Procure criar sites em HTML 5, usando CSS3 e todos os conceitos necessários para que seu site esteja válido de acordo com as normas técnicas do W3C, órgão regulador da WWW.

Inserir anúncios no seu site

Isso pode ser bombástico em suas pretenções, mas acredite, anúncios quase sempre chateiam os usuários que acessam seu site esperando uma boa navegabilidade sem perturbação.

Leia também  Como criar sites incríveis?

Mas não ache que estou condenando anúncios como os do Google Adwords por exemplo. De forma alguma! Mas inicialmente, foque em gerar conteúdo para seu site e trabalhar todos os preceitos descritos acima como melhorar o SEO e o código da sua página. Isso fará com que seus novos usuários tornem-se visitantes fiéis e voltem ao seu site pela qualidade do conteúdo que oferece e pela boa navegação.

E convenhamos: Para lucrar algo razoável com anúncios, você precisa ter um bom número de visitas em seu site 😉

Não criar sites responsivos

O acesso a sites através de dispositivos móveis cresce a cada ano. Segundo especialistas, até 2020 mais de 80% dos internautas acessarão sites através de dispositivos móveis.

E para se adequar a essa realidade, é imprescindível que seu site esteja flexível para receber acessos através de celulares e smartphones.

Isso é possível através da criação de sites responsivos, que é uma técnica de desenvolvimento que adequa a estrutura do seu site para qualquer resolução de tela.

Isso fará que você ofereça o conteúdo do seu site a 100% dos usuários que entrarem nele.

Não mensurar resultados

Não adiante empregar as técnicas e conceitos listados neste artigo para melhorar o desempenho de sua página se você não analisar minuciosamente os acessos em seu site.

E para esta tarefa, o Google Analytics é a ferramenta ideal. A ferramenta gratuita do google oferece diversos relatórios de suma importância como velocidade de carregamento do seu site, destino dos usuários, fontes de aquisição de novos visitantes, dispositivos usados, taxa de rejeição entre outros diversos recursos.

Além disso é possível mensurar o acesso orgânico do seu site, permitindo assim saber a evolução da melhoria das técnicas empregadas em sua página.

Hospedar seu site em hosts baratos ou gratuitos

Outro erro comum é na escolha da empresa que hospedará seu site. O termo “Barato que sai caro” nunca fez tanto sentido. Escolha um bom host que te ofereça um bom uptime que é o tempo garantido de que seu site estará online sem quedas. Isso é muito importante e empresas como a Hostnet, nossa patrocinadora oficial, é uma das melhores do país.

Outro fator que pode prejudicar seu site é a lentidão e isso pode estar totalmente ligado ao host. Hospedagens free geralmente oferecem serviços compartilhadas com pouquíssimos recursos de servidor, fazendo com que o carregamento do seu site torne-se cada vez mais lento.

Esses são alguns, e também uns dos principais erros comuns que muitos usuários cometem ao criar seu primeiro site.

Portanto, não cometa esses erros e trabalhe nas dicas deste artigo. Certamente você terá um ótimo desempenho com a criação do seu primeiro site e a partir daí poderá trabalhar em outros recursos essenciais para potencializar a captação de novos visitantes.

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais. Tem dúvidas? Poste seu comentário abaixo.

Até mais!

O MX Cursos já está na Black Friday.