Blog do MX Cursos

Magento – 5 motivos para usar em seus projetos de lojas virtuais

Magento – 5 motivos para usar em seus projetos de lojas virtuais

Com um mercado cada dia mais apertado, temos muitas vezes que apostar em inovações, e uma loja virtual com Magento é, para muitos, um bom investimento.

Apesar de parecer fácil, toda a logística por detrás dessa loja deve ser analisada, e um dos pontos principais é a plataforma na qual sua loja será desenvolvida.

O Magento é hoje uma das principais plataformas de desenvolvimento e-commerce, abrangendo aproximadamente 30% do mercado mundial. A ferramenta foi desenvolvida em PHP e conta com uma das maiores e mais apaixonadas comunidades de desenvolvedores do cenário web.

 

Neste post, listamos 5 motivos para ter uma loja virtual com Magento e se destacar no mercado — quem sabe você não se apaixona por ela também. Acompanhe conosco!

1. Comunidade

Embora pareça banal a comunidade pode ser muito importante na manutenção de uma plataforma — isso pode ser dito sobre muitas coisas como jogos on-line, por exemplo.

Se a comunidade abraça aquela plataforma, já temos um ponto positivo, e isso aconteceu com o Magento — a comunidade de desenvolvedores não só abraçou como ajudou a desenvolver a plataforma.

O Magento conta com duas versões: Enterprise e Comunity, sendo a segunda mantida e melhorada constantemente por uma comunidade de desenvolvedores assíduos.

A comunidade brasileira, apesar de relativamente pequena (se comparada a de outros países), possui fóruns e grupos de debates na internet — em que são discutidas melhorias e soluções que aparecem no dia a dia.

2. Customização

O Magento é um sistema “Open Source”, ou seja, de código aberto. Com um bom conhecimento da sua estrutura e um pouco de linguagem de programação é possível desenvolver lojas completas e que atendam à sua demanda.

Também é possível instalar extensões adicionais, que podem melhorar ainda mais a experiência dos usuários.

Leia também  Como montar uma loja virtual de sucesso?

3. Multilojas

Uma função interessante do Magento é a possibilidade de ter multilojas em uma única instalação, sendo possível diferenciar layout e até produtos disponibilizados em cada loja, e tornar mais fácil a administração de estoque e vendas.

A opção multilojas é ótima para quem quer ter um e-commerce com produtos de diferentes segmentos.

4. SEO (Search Engine Optimization)

O Magento tem integrado ao sistema uma parte relacionada ao CMS (Content Manager System, ou gerenciador de conteúdo), assim, é possível trabalhar muito bem o conteúdo do site, bem como as descrições e os mapas de site (Google Sitemap) para enviar ao Google Search Console.

Assim, é possível fazer um site otimizado e que seja bem indexado pelos principais buscadores. Ainda é possível utilizar de módulos extra para melhorar essa experiência.

5. Sistema escalável

O Magento é um sistema bem flexível quando o assunto é e-commerce, sendo possível criar lojas pequenas, com poucos produtos disponíveis e poucas transações, mas também é possível criar grandes lojas, com até 80 mil produtos disponíveis para venda.

Porém, deve-se observar sempre a compatibilidade com o servidor, pois o Magento é robusto e consome muitos recursos do servidor. Sendo assim, é bom avaliar muito bem como e onde o site será hospedado.

O Framework, como todos disponíveis no mercado, atende de forma genérica e não muito abrangente.

Vale ressaltar que é necessário sempre fazer uma boa análise tanto do negócio quanto das ferramentas utilizadas.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre como desenvolver uma loja virtual com Magento, siga a nossa página no Facebook e fique por dentro de outros conteúdos como este!

QUER POTENCIALIZAR SUAS HABILIDADES EM SOFTWARES E SEGMENTOS DO PRESENTE E DO FUTURO?

CURSOS ONLINE