MX Cursos

Como suprir a falta de designers em sua equipe?

Como suprir a falta de designers em sua equipe?

Famosos por suas camisas xadrez e gosto peculiar para música, os bons designers são tipos de profissionais que parecem estar em falta hoje em dia no mercado. Capazes de transformar até o mais complicado sistema em uma espécie de Capela Sistina digital, esses profissionais têm optado cada vez mais por carreiras paralelas ou andado mais ocupados em seus próprios projetos, e por isso não é raro encontrar equipes de desenvolvimento desfalcadas nessa área.

Mas, calma, se esse for o seu caso, não se preocupe. Com uma boa conexão de internet e os links certos, você verá que é fácil resolver esse problema — ainda que seja com as próprias mãos. Confira!

Contrate um freela

Normalmente quando um designer é muito bom, dificilmente ele fica desempregado. E isso acaba dificultando a busca por grandes nomes no mercado. No entanto, a maioria deles continua sempre disposta a ser freela de algum projeto, e isso pode ser uma boa saída para a sua equipe.

Com a ajuda de programas como Skype ou Gtalk (para reuniões), Dropbox ou Google Drive (para troca de arquivos), Trello (para administração de tarefas) e Toggl (para contabilizar as horas trabalhadas), fica fácil gerenciar um trabalho freelancer a distância. Agora uma dica: para saber se a pessoa é boa mesmo para o trabalho, nada melhor do que pedir para que outros designers avaliem o portfólio dele. Não confie apenas no seu olhar ou no do seu amigo que indicou o sujeito.

Procure um designer em alguma plataforma colaborativa

Tudo bem, então você animou chamar um designer freelancer mas não tem referência de nenhum profissional? Sem problemas! Através de sites como o We Do Logos ou Freelancer você pode colocar um briefing do seu projeto on-line e aguardar algumas respostas com propostas de designers de todos os lugares.

Use (bons) templates

Outra saída muito usada também é a adoção de templates (arquivos com a parte do design, seja de um blog, site ou até aplicativo já prontas) em alguns projetos.

O lado bom desse tipo de saída é que ela é rápida (você só precisa pagar ou encontrar algum gratuito e baixar) e bem prática – fora que o designer ou programador que for trabalhar com o template ainda poderá adaptá-lo para as necessidades do projeto, alterando suas cores, formas e fotos. O lado ruim é que não é difícil encontrar algum projeto com o visual igual ao seu por aí, afinal, os bons templates são usados por mais empresas e mais pessoas.

Apure o seu olhar para o design

Ao contrário do que muita gente pensa, para ser designer você não precisa nascer com um dom natural, quase mágico. É possível aprender design gráfico facilmente.

Nossos cursos online relacionados a este post

Além dos cursos – e aí nesse caso nós temos a solução – e livros – como esse – que você pode encontrar por ai, ainda existem sites que servem de referência na área como o Behance (uma rede social com trabalhos de designers do mundo todo) e o Awwwards, um dos grandes nomes quando o assunto é web design.

Dica: Conheça nossos cursos de Design Gráfico e desenvolva suas habilidades criativas.

Aprenda também um pouco de UI

Um enraizamento do web design bastante importante e que ainda chama pouco a atenção das pessoas é o UI (User Interface Design, ou Design de Interface), um tipo de estudo que procura encontrar a melhor maneira de uma pessoa navegar por um site ou aplicativo.

Mais interessado em entender o comportamento normal dos usuários dentro daquele ambiente, o UI pode ser um tipo de aprendizado interessante para a sua equipe e que, se for pensada já no período de desenvolvimento, faz com que o trabalho do design gráfico fique mais fácil ou até mesmo desnecessário.

Ah, e vale dizer que, como não existe “achismo” no mundo do UI, você pode observar de perto o que dá certo ou errado na interface do seu projeto ao observar o comportamento dos usuários através de ferramentas como o Google Analytics e o Hotjar (que já falamos sobre aqui nesse post).

Bastante importantes em quase todo tipo de projeto, os designers ainda podem ser encontrados na internet, com a indicação de colegas ou até mesmo dentro da sua própria equipe. E se você mesmo quiser aprender a arte do design gráfico, vai perceber que a tal camisa xadrez nem é um item obrigatório para ser um bom profissional.

Gostou do nosso artigo? Quer aprender mais sobre design gráfico e web design? Então dê uma passadinha em nosso site para saber mais.

Clube de Cursos Clube de Cursos

Conheça nosso Clube de Cursos e potencialize suas habilidades em Produção e Edição de Vídeos, Design, Marketing Digital, Programaço, WordPress, 3D e Modelagem, Motion Graphics e muito mais!

CONHEÇA O CLUBE