Blog do MX Cursos

Como criar Custom Types no WordPress

Como criar Custom Types no WordPress

O WordPress possibilita a criação de Custom Types para que seu blog possa exibir uma variedade maior de conteúdo de forma mais organizada. Neste artigo, vamos criar um Tipo de Post Personalizado.

Posts Types

Custom TypesPor padrão, o WordPress possui cinco tipos de posts: Páginas, Anexos, Revisões e Menus de Navegação e até mesmo Posts. Antigamente, quando um desenvolvedor sentia a necessidade de exibir um conteúdo diferenciado, como por exemplo o cadastro de filmes de uma locadora, ele era obrigado a utilizar as categorias e subcategorias para organizar seu conteúdo. Porém, conforme você vai adicionando mais conteúdo e sente a necessidade de exibir outros tipos de informação, utilizar apenas as categorias pode ser muito pouco para o que você precisa. Sendo assim, a comunidade do WordPress sentiu a necessidade de permitir a criação de Custom Types.

Após essa implementação deste novo recurso, passou a ser possível criar um tipo de post chamado Filmes, por exemplo, e adicionar a esse tipo de post as categorias referentes a ele, como terror, suspense, aventura etc…

Como criar Custom Types?

A função responsável por isso, é a função register_post_type:

Exemplo básico:

function codex_custom_init() {
    $args = array(
      'public' => true,
      'label'  => 'Filmes'
    );
    register_post_type( 'filme', $args );
}
add_action( 'init', 'codex_custom_init' );

Como vimos no exemplo acima, a função register_post_type recebe como parâmetros o nome do tipo de post, no caso ‘filme’ e um array com os argumentos.

Usamos o add_action(‘init’, ‘codex_custom_init’ ) como gatilho para executar nosso código e criar o post type durante a execução do WordPress, sendo codex_custom_init o nome da nossa função (nesse caso, você pode usar o nome que desejar).

Mas é só isso?

Certamente que não. A função register_post_type suporta uma grande quantidade de argumentos para que você possa criar Custom Types bem complexos. Neste artigo, tratei do básico, mas os demais argumentos você pode encontrar na documentação da função.

Leia também  4 plugins gratuitos para criar seu e-commerce em WordPress

Nossos cursos indicados

Basta adicionar os argumentos ao nosso array.

Bons estudos!