Blog do MX Cursos

7 dicas imperdíveis para ser um freelancer de sucesso

Não é novidade alguma que as relações de trabalho vêm mudando rapidamente desde a virada do século. Hoje, o profissional está em busca não apenas de uma remuneração satisfatória, mas também de qualidade de vida.

Por isso, muitos vêm optando pelo trabalho de freelancer, que permite que esses profissionais montem seu próprio horário e ainda tenham um maior controle criativo e sobre o processo do projeto.

Entretanto, esteja você começando sua carreira ou tentando se reposicionar no mercado, tornar-se um freelancer é uma tarefa complicada no início, que demandará muito esforço e dedicação para atingir seus objetivos.

A seguir, listamos sete dicas que vão auxiliar você a começar esta jornada. Vamos lá?

Planeje cada passo para ser um freelancer de sucesso

A primeira coisa que se deve pensar no início da carreira de freelancer é o planejamento. Quem começa do zero precisa saber que caminho seguirá para chegar aos seus objetivos.

Por isso, estabeleça seus horários de trabalho, o lugar onde vai exercer sua atividade e sua identidade como profissional de freelancer, de forma que nenhum fator externo possa atrapalhar seu desempenho.

Planejamento também envolve organização, tanto do seu tempo quanto do ambiente de trabalho. Tenha também conhecimento dos procedimentos legais envolvidos na sua atividade como freelancer.

Estude para superar seus pontos fracos

Muitas vezes, o próprio profissional pode ser o maior obstáculo para alcançar o sucesso como freelancer. Conheça a si mesmo, liste quais são seus pontos fortes e fracos, buscando seguir dominante nos fortes e, principalmente, fortalecendo os fracos.

Nossos cursos indicados

Nunca pare de estudar, leia muito e faça cursos e palestras que o mantenham atualizado em relação ao seu campo. Estar aprendendo constantemente é o que vai diminuir a distância entre você e o resto do mercado.

Não esqueça do portfólio

Para se destacar, você precisa mostrar seu trabalho. Por esse motivo, ter um bom portfólio é importante. Se você está começando  como freelancer e não tem trabalhos comissionados para mostrar, use projetos pessoais, feitos como hobby, para amigos ou para a faculdade.

Buscar trabalhos pro bono, para ONGS ou instituições de caridade, também são uma boa alternativa para enriquecer seu material. Se possível, tenha duas versões do portfólio, uma impressa e outra na web.

Vá em busca dos clientes

Sem clientes, não há negócios. Para quem está começando, é preciso atingir o público para que seu trabalho passe a ser reconhecido. Neste caso, uma boa opção é comparecer a eventos sobre sua área: além de uma oportunidade para fazer networking e encontrar parceiros, pode ser um bom local para prospectar clientes.

Outra possibilidade é pedir ajuda aos amigos, seja para eles o indicarem no boca a boca ou deixando cartões de visita (talvez em troca de uma pequena comissão para incentivá-lo). Por fim, pode ser interessante investir em propaganda. O importante aqui é sempre ter em mente o custo-benefício e também ter muita certeza sobre o público-alvo para quem a peça estará direcionada.

Dedique-se e conheça seus limites

Ter sucesso como freelancer exige muito foco e dedicação. Isso vai além de ter suas metas bem definidas. É saber lidar com prazos, ter boa capacidade de gerir seus recursos e suas despesas, combater a procrastinação e tudo aquilo que te tire do caminho que você quer seguir.

Por outro lado, é também saber quando dizer não a um projeto, e saber equilibrar sua vida profissional com a pessoal.

Procure sites de Freelancers

Para muitos freelancers iniciantes conseguir seus primeiros clientes é uma tarefa árdua. Para facilitar isso, existem sites que trabalham com concorrência criativa, que é o caso da WeDoLogos, site especializado em criação de logotipos que faz a intermediação entre os clientes e Designers.

Leia também  Como definir prazos de freelancer sem perder a cabeça

O processo é muito simples: O cliente cadastra um briefing da logo que precisa e define um valor a pagar pelo serviço. Diversos Designers poderão desenvolver versões da logo e o trabalho que o cliente escolher será o vencedor da concorrência. A WeDoLogos fica com 20% do valor pago pelo cliente e os outros 80% ficam com o Designer.

Outros sites como Trampos.co, Freelancer.com, Prolancer e 99Freelas possuem plataformas incríveis para que os freelancers possam lucrar desenvolvendo serviços online.

Saiba como se relacionar com o público

O freelancer é alguém que, além de produzir o serviço, também negocia diretamente com os clientes e fornecedores. Portanto, é preciso ser capaz de se relacionar com públicos de todos os tipos, idades e classes sociais.

Mais do que isso, é importante saber criar confiança junto ao cliente, pois se ele estiver satisfeito, vai contratá-lo novamente e também indicá-lo para trabalhar em projetos de outras pessoas.

Optar pela carreira de freelancer é uma atitude que demanda muito esforço do profissional para obter o sucesso, na qual se aprende muito com o tempo e com a experiência adquirida de outros profissionais, mas que recompensa com uma maior liberdade no trabalho e em sua vida pessoal.

Pronto! Gostou das nossas dicas? Tem outras para dar? Deixe aqui nos comentários suas sugestões e experiências com o mundo do trabalho freelancer.

QUER POTENCIALIZAR SUAS HABILIDADES EM SOFTWARES E SEGMENTOS DO PRESENTE E DO FUTURO?

CURSOS ONLINE